Autor: admin

Terça-feira da Semana XXIII do Tempo Comum

Evangelho: Lc 6, 12-19 Naqueles dias, Jesus subiu ao monte para rezar e passou a noite em oração a Deus. Quando amanheceu, chamou os discípulos e escolheu doze entre eles, a quem deu o nome de apóstolos: Simão, a quem deu também o nome de Pedro, e seu irmão André; Tiago e João; Filipe e Bartolomeu, Mateus e Tomé; Tiago, filho de Alfeu, e Simão, chamado o Zelota; Judas, irmão de Tiago, e Judas Iscariotes, que veio a ser o traidor. Depois desceu com eles do monte e deteve-Se num sítio plano, com numerosos discípulos e uma grande multidão de pessoas de toda a Judeia, de Jerusalém e do litoral de Tiro e de Sidónia. Tinham vindo para ouvir Jesus e serem curados das suas doenças. Os que eram atormentados por espíritos impuros também ficavam curados. Toda a multidão procurava tocar Jesus, porque saía d’Ele uma força que a todos sarava. Compreender a Palavra Lucas narra um momento importante para a implantação do Reino de Deus. Depois de uma noite em oração no cimo do monte Jesus chama os discípulos e escolhe doze de entre eles para serem “apóstolos”. A lista dos escolhidos começa com Pedro e termina com Judas, o traidor. Após esta escolha, todos descem do monte e se misturam com a multidão dos que vieram para ouvir Jesus e serem por ele curados das suas enfermidades....

Read More

Segunda-feira da Semana XXIII do Tempo Comum

Colossenses 1, 24 – 2, 3 Irmãos: Agora alegro-me com os sofrimentos que suporto por vós e completo na minha carne o que falta à paixão de Cristo, em benefício do seu corpo que é a Igreja. Dela me tornei ministro, em virtude do cargo que Deus me confiou a vosso respeito, isto é, anunciar-vos em plenitude a palavra de Deus, o mistério que ficou oculto ao longo dos séculos e que foi agora manifestado aos seus santos. Deus quis dar-lhes a conhecer em que consiste, entre os gentios, a glória inestimável deste mistério: Cristo no meio de vós, esperança da glória. E nós O anunciamos, advertindo todos os homens e instruindo-os em toda a sabedoria, a fim de os apresentarmos todos perfeitos em Cristo. É para isso que eu trabalho, combatendo com o apoio da sua força, que actua em mim poderosamente. Quero que saibais como é grande a luta que sustento por vós, pelos de Laodiceia e por tantos outros que não me viram pessoalmente. Luto para que os seus corações sejam confortados e, estreitamente unidos na caridade, alcancem em toda a sua riqueza a plenitude da inteligência, o conhecimento do mistério de Deus, que é Cristo, no qual estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da ciência. Compreender a Palavra Na carta aos colossenses Paulo fala do seu ministério recebido de Deus, em favor da...

Read More

Natividade da Virgem Santa Maria

Miqueias 5, 1-4ª Eis o que diz o Senhor: «De ti, Belém-Efratá, pequena entre as cidades de Judá, de ti sairá aquele que há de reinar sobre Israel. As suas origens remontam aos tempos de outrora, aos dias mais antigos. Por isso Deus os abandonará  até à altura em que der à luz  aquela que há de ser mãe. Então voltará para os filhos de Israel o resto dos seus irmãos. Ele se levantará para apascentar o seu rebanho pelo poder do Senhor, pelo nome glorioso do Senhor, seu Deus. Viver-se-á em segurança, porque ele será exaltado até aos confins da terra. Ele será a paz». Compreender a Palavra Celebramos a natividade da Virgem Santa Maria A situação que se percebe em Miqueias é a de um povo abandonado à sua sorte, caído por terra sem esperança, órfão de Deus e longe daqueles que partiram para o exílio. É o resto de Israel, um pequeno grupo que ficou, fiel, mas desanimado. A este povo Miqueias anuncia a chegada de um tempo novo em que o Senhor volta para o seu povo, voltam também os irmãos, filhos de Israel, exilados, o Senhor voltará a ser o pastor e a apascentar o seu povo e todos viverão em segurança. Tudo isto acontecerá quando a mulher der à luz na pequena, insignificante, mas antiga cidade de Belém. Meditar a Palavra A fidelidade...

Read More

Quinta-feira da Semana XXII do Tempo Comum

Colossenses 1, 9b-14 Irmãos: Não cessamos de orar por vós e de pedir que chegueis ao pleno conhecimento da vontade de Deus, com toda a sabedoria e inteligência espiritual. Assim vivereis de maneira digna do Senhor, agradando-Lhe em tudo, realizando toda a espécie de boas obras e progredindo no conhecimento de Deus. Sereis fortalecidos com o seu poder glorioso, para que se confirme a vossa constância e longanimidade a toda a prova e, cheios de alegria, deis graças a Deus Pai, que nos fez dignos de tomar parte na herança dos santos, na luz divina. Ele nos libertou do poder das trevas e nos transferiu para o reino do seu Filho muito amado, no qual temos a redenção, o perdão dos pecados. Compreender a Palavra Paulo recorda aos colossenses que a Igreja reza para que eles não se afastem da verdade mas cheguem ao pleno conhecimento da vontade de Deus. É o conhecimento de Deus que dignifica a vida, pois leva à prática das boas obras. De Deus vem também a fortaleza, a constância e a longanimidade para a luta entre a luz e as trevas. Pelo conhecimento de Deus também os colossenses darão graças, cheios de alegria, conscientes da sua participação na herança dos santos e da libertação neles operada pelo poder de Deus que faz brilhar a sua luz nas trevas. Meditar a Palavra Somo todos convidados...

Read More

Quarta-feira da Semana XXII do Tempo Comum

Colossenses 1, 1-8 Paulo, apóstolo de Jesus Cristo por vontade de Deus, e o irmão Timóteo, aos cristãos de Colossos, irmãos fiéis em Cristo: A graça e a paz de Deus nosso Pai estejam convosco. Damos graças a Deus, Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo, e oramos continuamente por vós. De facto, temos ouvido falar da vossa fé em Cristo Jesus e da caridade que tendes para com todos os cristãos, por causa da esperança que vos está reservada nos Céus. Esta esperança foi-vos anunciada pela palavra da verdade, o Evangelho, que chegou até vós. Assim como frutifica e se desenvolve no mundo inteiro, o mesmo sucede entre vós, desde o dia em que ouvistes falar da graça de Deus e tivestes dela conhecimento verdadeiro. Nela fostes instruídos por Epafras, nosso querido companheiro de serviço, que está, em vez de nós, como fiel ministro de Cristo e nos deu a conhecer a vossa caridade segundo o Espírito. Compreender a Palavra A comunidade cristã de Colossos recebeu o evangelho e teve em Epafras um zeloso mestre que instruiu na fé, na verdade, na caridade e na esperança, os seus membros. Paulo, que nunca passou por Colossos, andou perto, mas quando já estava preso em Roma recebeu a notícia da existência de algumas doutrinas geradoras de confusão na comunidade cristã, escreveu-lhes uma carta para trazer à verdade a comunidade que ali...

Read More

Terça-feira da Semana XXII do Tempo Comum

1 Tessalonicenses 5, 1-6.9-11 Irmãos: Sobre o tempo e a ocasião da vinda do Senhor, não precisais que vos escreva, pois vós próprios sabeis perfeitamente que o dia do Senhor vem como um ladrão noturno. E quando disserem: «Paz e segurança», é então que subitamente cairá sobre eles a ruína, como as dores da mulher que está para ser mãe, e não poderão escapar. Mas vós, irmãos, não andais nas trevas, de modo que esse dia vos surpreenda como um ladrão, porque todos vós sois filhos da luz e filhos do dia: nós não somos da noite nem das trevas. Por isso, não durmamos como os outros, mas permaneçamos vigilantes e sóbrios. Deus não nos destinou para sofrermos a sua ira, mas para alcançarmos a salvação por Nosso Senhor Jesus Cristo, que morreu por nós, a fim de que, velando ou dormindo, vivamos em união com Ele. Por isso, animai-vos mutuamente e edificai-vos uns aos outros, como já fazeis. Compreender a Palavra Paulo oferece-nos uma página cheia de beleza a propósito da vinda do Senhor e conjugando fatores tão interessantes como a noite e o dia, as trevas e a luz, o sono e a vigilância. Pelo que Paulo diz, os tessalonicenses já receberam a palavra que os faz reconhecer que o Senhor vai chegar com surpresa, como um ladrão. Diante deste facto ninguém pode descansar, ninguém está verdadeiramente...

Read More

Segunda-feira da Semana XXII do Tempo Comum

1 Tessalonicenses 4, 13-18 Não queremos, irmãos, deixar-vos na ignorância a respeito dos defuntos, para não vos contristardes como os outros, que não têm esperança. Se acreditamos que Jesus morreu e ressuscitou, do mesmo modo, Deus levará com Jesus os que em Jesus tiverem morrido. Eis o que temos para vos dizer, segundo a palavra do Senhor: Nós, os vivos, os que ficarmos para a vinda do Senhor, não precederemos os que tiverem morrido. Ao sinal dado, à voz do Arcanjo e ao som da trombeta divina, o próprio Senhor descerá do Céu e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro. Em seguida, nós, os vivos, os que tivermos ficado, seremos arrebatados juntamente com eles sobre as nuvens, para irmos ao encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor. Consolai-vos uns aos outros com estas palavras. Compreender a Palavra Paulo responde à dificuldade que os tessalonicenses vivem a respeito dos mortos. A perspetiva da vinda do Senhor fê-los acreditar que não morreriam, mas o tempo passa e o Senhor tarda em vir. Alguns enchem-se de dúvidas e incertezas relativamente aos mortos. Que acontecerá a estes que já tiverem partido, quando o Senhor Chegar? Paulo esclarece-os para que não se entristeçam como os pagãos. As palavras de Paulo vão diretas à questão: Se acreditamos que Jesus morreu e ressuscitou, do mesmo modo, Deus levará com Jesus os...

Read More

Sexta-feira da Semana XXI do Tempo Comum

1 Tes 4, 1-8  Irmãos: Eis o que vos pedimos e recomendamos no Senhor Jesus: Recebestes de nós instruções sobre o modo como deveis proceder para agradar a Deus e assim estais procedendo. Mas continuai a progredir ainda mais, pois conheceis bem as normas que vos demos da parte do Senhor Jesus. A vontade de Deus é que vos santifiqueis, que eviteis a imoralidade, que saiba cada um de vós conservar o seu corpo em santidade e honra, sem se deixar dominar pelas paixões, como os pagãos, que não conhecem a Deus. Ninguém lese ou prejudique seu irmão nesta matéria, pois de tudo isto Se vinga o Senhor, como já vos temos dito e assegurado. Porque Deus não nos chamou a viver na impureza, mas na santidade. Portanto, quem rejeita estas instruções não rejeita um homem mas o próprio Deus, que vos dá o Espírito Santo. Compreender a Palavra Paulo, ao anunciar o evangelho aos tessalonicenses, deixou-lhes instruções importantes para progredirem na santidade. Agora, recomenda-lhes que ponham em prática e progridam no cumprimento desses normas que os tornarão aptos na resposta ao chamamento que é feito por Deus. Neste texto as instruções recordam a necessidade de manter a pureza do corpo, dominando as paixões, de modo a agradar a Deus pela santidade de vida. Meditar a Palavra O domínio de si mesmo pela consciencialização dos mandamentos do Senhor tanto...

Read More

Quinta-feira da Semana XXI do Tempo Comum

1 Tessalonicenses 3, 7-13 A vossa fé, irmãos, foi para nós um motivo de conforto no meio de todas as nossas angústias e tribulações. Agora sentimo-nos reviver, porque estais firmes no Senhor. Como poderemos agradecer a Deus por vós, por toda a alegria que nos destes diante do nosso Deus? Noite e dia Lhe dirigimos as mais instantes súplicas, para que nos permita tornar a ver- vos e completar o que ainda falta à vossa fé. Deus, nosso Pai, e Jesus, nosso Senhor, dirijam o nosso caminho para junto de vós. O Senhor vos faça crescer e abundar na caridade uns para com os outros e para com todos, assim como nós a temos tido para convosco. O Senhor confirme os vossos corações numa santidade irrepreensível, diante de Deus, nosso Pai, no dia da vinda de Jesus, nosso Senhor, com todos os seus santos. Compreender a Palavra Paulo escreve aos Tessalonicenses a partir do testemunho que lhe foi transmitido por Timóteo. O anúncio da palavra feito por Paulo àquela comunidade está a dar frutos. Os tessalonicenses vivem a fé e estão firmes no Senhor, o que é motivo de conforto para Paulo. O crescimento na fé de qualquer cristão é motivo de alegria para os outros e Paulo sente essa alegria porque isso significa que Deus está a agir. Nasce em Paulo um desejo grande de voltar a passar...

Read More

Setembro 2017
D S T Q Q S S
« Ago    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930