Domingo III do Tempo do Advento

Mistagogia da Palavra A mensagem bíblico-litúrgica de hoje estimula a comunidade eclesial e os seus membros para o seguimento, anúncio e testemunho alegres de Cristo, para que Jesus não seja o grande desconhecido do tempo actual. A alegria proclamada neste terceiro Domingo do Advento não é a alegria superficial e mundana de um Natal já próximo e comercializado habilmente por uma sociedade consumista, mas o facto de saber que Cristo já está no meio de nós, mesmo que O não conheçamos nem testemunhemos suficientemente. O testemunho da alegria cristã é necessário hoje mais do que nunca na nossa sociedade em crise de valores. A única realidade que pode vencer a insatisfação profunda do homem de hoje é o testemunho pessoal e comunitário da alegria e esperança oxigenantes, fundado na fé em Cristo libertador, vivo e presente entre os homens que sofrem por qualquer motivo. A 1ª leitura é do Livro do profeta Isaías. É o anúncio de uma mensagem de paz e de libertação para os infelizes e da misericórdia do Senhor. Jesus anunciará solenemente que essa Escritura se realiza n’Ele. O profeta conclui descrevendo a alegria que goza a comunidade que tem a salvação de Deus. A 2ª leitura é da Primeira Epístola de São Paulo aos Tessalonicenses. O Apóstolo convida-nos à alegria. Os inquéritos actuais mostram elevadas percentagens de desencanto e desilusão entre jovens e adultos na...

Read More